segunda-feira, 23 de junho de 2014

Deus Ouve!

Aquele que fez o ouvido não ouvirá? Sl 94.9
                Nada é tão gratificante como saber que Deus ouve as nossas orações, por isso a palavra de Deus nos lembra por tantas vezes que somos ouvidos, isso para nos estimular a orar, na certeza de sermos ouvidos.
                O salmista disse convicto “Os justos clamam e o Senhor os ouve” (Sl 34.17), a certeza de ser ouvido era tanta que no salmo 118.21 ele declara “Render-te-ei graças, pois me ouvistes...”. O desejo de ser ouvido faz parte da vida cristã, e esse anseio levou muitos servos de Deus a proclamar “Ò Senhor ouve a minha oração” (Sl102. 1) “Ò Senhor ouve a minha oração, inclina os ouvidos ao meu clamor” (Sl 143.1).
                No livro de Gênesis, capítulo 21 nos traz a história de Agar serva egípcia, grávida, que foi despedida por seus senhores, porque sua presença se tornara embaraçosa no lar de Abraão e Sara.Nos relata o texto que ela caminhou errante no deserto de Berseba (Gn 21.14). Aquela escrava não tinha como reverter o quadro de solidão,desprezo,necessidades e angústia,mas nesse cenário o anjo de Deus bradou desde os céus( Gn 21.17) “Que tens Agar? Não temas, porque Deus ouviu a voz do menino”.
                Naquele deserto ouvir a voz de Deus bradando, melhor ainda afirmando que estava ouvindo! Deve ter sido tremenda a experiência de Agar, ali em meio a todas aquelas limitações e dificuldades ela escuta o Senhor revelar o plano grandioso que tinha para seu filho Ismael, o nome daquele menino teria o significado de sua vitória: Ismael “Deus está ouvindo”.
                Que este momento seja de certeza que Deus está ouvindo as tuas petições, a audição divina é tão aguçada que muitos profetas e outros servos fizeram menção a ela ( Is 38.5; 59.1; 65.24; Sl 18.6; 34.15,17; I Pe 3.12)
                Hoje é dia de ter a certeza: DEUS OUVE!
                                                                                                         
                                                                                                     Texto de Aparecida Borges
Pregadora do Evangelho de Cristo,
Coordenadora Geral do Círculo de
Oração da Assembleia de Deus em
Mossoró.




Nenhum comentário:

Postar um comentário